Momentos Poéticos

Momentos Poéticos

segunda-feira, 30 de julho de 2012

MAR DE ARPOEIRA



Fui ao mar,

E cheguei em boa hora,

Pois não tinha ido embora,

Sei que estava a me esperar...



Era um mar...

Um mar de uma só canoa,

Com algumas poucas pessoas,

Por isso pude cantar...



E livre, cantei...

Minha vida em canção,

Pra um amigo, um irmão,

Que por sorte encontrei...



Mas, em Arpoeira,

O mar não pode ficar...

Sua amante, ribanceira,

Foi embora com outro mar...

Alque



Foto/ Cris Menezes ( Arpueira/ Acarau-Ce)




2 comentários:

Lorde Canhoto disse...

A poesia sempre vale a pena .

Abraços !

Cigana Raicha disse...

Oi querida!! Acabei de conhecer o seu blog e Adorei!!
Se puder da uma passadinha no meu pra conhecer e se gostar me segue tbm, ficarei muito feliz!!!!!
Bjooooooooooooooe com Deus!
http://ciganaluminosa.blogspot.com.br/